30/05/2019 por Automatisa

Você sabia que o BOPP é um dos materiais mais utilizados na indústria de rótulos e etiquetas?

Mas, o que é BOPP?

BOPP é uma sigla para "bi-axially oriented polypropylene", que em português se refere ao Polipropileno Biorientado, material que compõe um filme plástico de alta resistência muito usado na fabricação de embalagens flexíveis. Ele dá um forte apelo visual ao produto nos pontos de vendas, por ser brilhante e pela versatilidade que oferece. O BOPP pode ser transparente, opaco fosco ou metalizado.

Ainda, ele oferece uma grande facilidade de processamento, devido ao tratamento superficial, à aditivação e à resistência a altas temperaturas. A impressão, laminação, selagem e deslizamento das embalagens são facilitados com o uso do BOPP. E o material pode ser utilizado em diferentes tipos de impressão, como flexografia, letter-press, digital e serigrafia.

O material também é ideal para a fabricação de embalagens para produtos alimentícios, já que ele protege contra gases, umidade e grandes variações de temperatura. Por isso, o BOPP é produzido dentro de condições rígidas de higiene e limpeza.

O BOPP é um filme de plástico muito utilizado em indústrias alimentícias ou de bebidas, por oferecer características visuais únicas e alta resistência.

Ao escolhermos o filme BOPP para impressão de adesivos, etiquetas ou rótulos estamos adquirindo um material de superfície lisa e baixa densidade. Mas o que isso significa? Que esses produtos podem ser utilizados não só em ambientes secos, mas também em locais úmidos, como geladeiras, câmaras frias, frigoríficos e etc.

Além disso, o filme BOPP oferece mais possibilidades de utilização em produtos.

1. Garrafas de vidro para bebidas em geral

Garrafas de cerveja, refrigerante, suco ou qualquer outro tipo de bebida, que sejam de vidro, podem ser personalizada com rótulos em filme BOPP.

Normalmente, esse tipo de produto passa um tempo armazenado em locais secos e o restante de sua vida útil, com o cliente, em locais úmidos.

O rótulos em filme BOPP são resistentes e duráveis tanto em ambientes secos quanto em ambientes úmidos, como geladeiras e freezers industriais.

2. Embalagens de alimentos

Embalagens de frutas, carnes e alimentos em geral, para ambientes secos ou úmidos podem ser identificadas com etiquetas em filme BOPP.

Use para incluir códigos de barras, peso do produto, nome, marca e outras informações que forem pertinentes.

3. Personalização de produtos artesanais

A produção de alimentos e bebidas artesanais cresceu muito nos últimos anos. Chocolates, bolos e saladas em potes, cervejas, pingas e diversos itens vêm sendo produzidos em menor escala, dentro de uma pequena fábrica ou, até mesmo, em casa. Quem trabalha com esses segmentos também precisam personalizar seus produtos.

Rótulos ou etiquetas em filme BOPP são ideais para qualquer um dos produtos citados acima.

4. Identificar, personalizar e localizar

Alguns ambientes precisam ser personalizados ou identificados para facilitar o acesso e o trabalho de outras pessoas.
Frigoríficos, por exemplo, devem incluir informativos tanto na área externa quanto interna, para orientar os funcionários sobre a utilização de equipamentos e ou para facilitar a localização dos produtos.

Saunas e vestiários, podem receber adesivos para orientar os frequentadores, enquanto as etiquetas, são perfeitas para sinalizar e indicar sabores de sorvetes em freezers de sorveterias, por exemplo.

Adesivos ou etiquetas em filme BOPP oferecem facilidade na aplicação e remoção e garantem maior durabilidade em ambientes constantemente úmidos.

O corte a LASER no BOPP:

Existe um mito de que BOPP metalizado não poderia ser cortado a LASER, mas não é verdade. Apesar de esse material conter vapor de alumínio, a quantidade não chega a ser suficiente para impedir um corte perfeito a LASER.

Com o corte a LASER nesse material é possível realizar geometrias simples ou complexas, além de picotes, gravações ou serializações em uma única programação de trabalho.

Por ser uma técnica digital de acabamento, a preparação é simples e via computador. Qualquer alteração é realizada imediatamente, ao contrário do que seria no uso de uma faca física para corte. Com o LASER, ajustes de intensidade de potência e velocidade são parametrizados e a máquina preparada para trabalhar usando uma ou duas unidades de etiquetas, ou seja, um consumo mínimo de material para set-up.

Além desses benefícios, existem diversos outros tais como: não precisar “afiar” facas, não correr o risco de estourar o liner e correr ou de inviabilizar o uso em rotuladeiras automáticas, entre outras facilidades.

Quer saber mais?

Mande um whatsapp clicando aqui! https://bit.ly/2JJ4LNP


 

Fonte: Gráfica Printi e Artflex